RIH, Osama

Estava eu tranquilamente terminando de assistir um filme e voltando da função AV para a Globo, ontem, quando me deparo com o presidente americano Barack Obama falando ao vivo. Além de uma boa oportunidade de praticar o listening aquilo me deixou curioso. Em seguida, percebi que se tratava do pomposo anúncio da morte do bobo, feio e malvado Osama Bin Laden.

Não que eu esteja reclamando de todo. Sou adepto da máxima que diz que “bandido bom, é bandido morto” e, apesar, de tardio, acho justo que os americanos tenham “passado” o velho Osama. O que enoja é ver os estadunidenses posarem de baluarte da justiça e do bom-mocismo. Logo eles, que por conta da famigerada “Guerra ao Terror” foram tão terroristas quanto quem atacou primeiro. Quantas vidas inocentes também foram tiradas no Afeganistão, no Iraque e isso sem contar outra tantas Cruzadas encampadas pelos nossos vizinhos do norte.

As infelizes vítimas do WTC não morreram de graça, pagaram o pato de administrações assassinas dos Estados Unidos. Estavam no lugar errado e na hora errada. Assim como os árabes assassinados dentro de suas cidades, bombardeados por conta das ações de outros.

Quero ver se um dia, um árabe locão achar um Bush da vida e matá-lo se a mídia também vai cobrir a “festa” – que eu acredito que haveria – com o mesmo tom comemorativo que está se dando à morte de Osama.

E antes que eu esqueça: Rest in HELL, Osama!

Anúncios
Esse post foi publicado em Opinião e marcado . Guardar link permanente.

3 respostas para RIH, Osama

  1. Gil, G. disse:

    Lembro que, quando as torres gêmeas caíram, eu tava chegado da escola. Achei que era um filme e ainda fiz o comentário ‘Serio, Hollywood, tu ja fez melhor que isso’.
    Bem, se murrió. Não tô nem aí, a fome no mundo não vai acabar, os EUA continuam escrotos, os impostos continuam subindo e minhas contas continuam atrasando.
    Vale só pelo circo da TV aberta.

  2. Mendigão disse:

    Se um Arabe matar um Bush, que vai comemorar vão ser os Arabes uai!
    Mas não estavas errado,isto foi uma coisa holywoodiana com certeza,so não caiu a ficha ainda foi do motivo.

  3. prolmedo disse:

    Sim, Mendigão, a festa seria dos árabes, mas eu queria ver se teria o mesmo destaque na mídia. Mas acho que não ia dar tempo, pois teria várias outras reportagens de como o coitadinho do Bush foi cruelmente assassinato, ele que era tão bom…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s